Alunos hackearam sistema escolar para alterar notas e lista de presença

Estudantes de Michigan nos EUA invadiram o sistema de computadores de uma escola municipal e mudaram as notas e os registros de comparecimento.

De acordo com o portal BleepingComputer, uma declaração feita no Facebook e no site do distrito, Jim Nielsen, superintendente da Orchard View Schools, afirmou que ficou sabendo de uma violação de dados em seu sistema de informações aos estudantes da PowerSchool na semana passada.

Postar na página do Facebook da escola
Post da escola no Facebook

Quando a violação de dados foi descoberta, a escola iniciou uma investigação e descobriu que mudanças não autorizadas nas notas e registros de frequência do aluno foram feitas. A declaração afirma ainda que esta violação “parece estar limitada ao ensino médio”.

O distrito escolar notificou os pais dos alunos envolvidos, mas não se sabe se a aplicação da lei também foi notificada.

No ano passado aqui no Brasil, um aluno da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) usou o sistema de estudantes, servidores e professores da instituição, o Sigaa, para enviar uma mensagem de Natal.

Adriano Lopes

Adriano Lopes é o criador e proprietário do MundoHacker.net.br. Desenvolvedor Web, Hacker Ético, Programador C, Python, Especialista em Segurança da Informação.