Líder de grupo hacker é preso por roubar US $ 15 milhões de bancos russos

O ucraniano Yuri Lysenko, preso por organizar um grupo cibercriminoso envolvidos em roubos financeiros e fraudes cibernéticas.

Lysenko se declara culpado por organizar o grupo de cibercriminosos OPS que inclui 20 participantes da Rússia.

Tribunal de Meshchansky na Russia, condenou na terça feira Lysenko a 13 anos por roubar mais de US $ 15 milhões de bancos russos, segundo a Russian Information Agency .

De acordo com o caso, jornais publicaram que o grupo hacker roubou 39,5 milhões de rublos do Promsvyazbank, 45 milhões de rublos do Bank Uralsib, 106 milhões de rublos do Trust Bank e 883,5 milhões de rublos do Bank Zenit.

O grupo de hackers usavam algumas ferramentas especialmente criadas para retirar fundos de contas bancárias de clientes e fazer com que o banco pague ao cliente, considerando que a transação falhou.

De acordo com relatórios de acusação, o grupo hacker transferiam o dinheiro para seus cartões e, em seguida, o malware cancelaria a transação no meio da execução.

A transação falhará e o banco precisará pagar a conta dos remetentes. Com esse método, os cibercriminosos duplicaram o dinheiro na conta.

Quatorze hackers ​​foram acusados ​​pelos crimes de – formação de quadrilha, fraude cibernética e roubo. Um dos membros do grupo, Anton Testov, já foi condenado no caso.

No início deste mês, um programador sênior da Huaxia Banks, com sede na China, ficou preso por 10 anos e meio por desenvolver uma maneira de retirar mais de US $ 1 milhão através de caixas eletrônicos.

Adriano Lopes

Adriano Lopes é o criador e proprietário do MundoHacker.net.br. Desenvolvedor Web, Hacker Ético, Programador C, Python, Especialista em Segurança da Informação.